O impossíel potencializa a nossa fé

Texto Base:

Àquele que é capaz de fazer infinitamente mais do que tudo o que pedimos ou pensamos, de acordo com o seu poder que atua em nós,

Efésios 3:20

 

Introdução

Você sabia que o impossível potencializa a nossa fé?

“Como assim? ”

Vamos entender.

Na nossa caminhada vimos, pessoas, histórias e, podemos perceber que assim como foi com muitos homens e mulheres mencionados nas Escrituras Sagradas, ainda acontece conosco hoje, a impossibilidade é um grande combustível para nossa fé, pois quando algo é impossível a nossa opção é crer ou crer!

 

Desenvolvimento

1) IMPOSSÍVEL

A palavra impossível segundo o dicionário de língua portuguesa tem as seguintes definições: que não é possível; que não pode realizar-se; irrealizável; que não pode existir. Quantas vezes você ouviu a sentenças de impossibilidades sobre a sua vida, tais como: “Não tem cura”, ” Isso é irrecuperável”, “Não há mais jeito”.

2) NÃO SE TRATA DE COISAS BÁSICAS

Não estou falando de uma dor de cabeça que você pode tomar um analgésico e pronto, estou falando de casos que a medicina não tem nenhuma capacidade para ajudar, que a ciência não tem como resolver, ocasiões e circunstâncias que ninguém pode remediar, casos em que não temos a quem naturalmente recorrer.

3) TUDO É POSSÍVEL AO QUE CRÊ

São momentos difíceis afinal ouvir: “Não tem cura”, “Não tem volta”, “Não tem jeito”, não é fácil, nem agradável, mas tenho entendido que o impossível para nós não é o fim, é apenas o começo de nossa total dependência em Deus, pois para Ele não existe impossíveis e Ele na Sua Palavra nos disse “Tudo é possível ao que crê” (Marcos 9.23). Para quem crê, o impossível é o lugar da possibilidade para o milagre de Deus. Vamos ver alguns exemplos na Palavra de Deus de pessoas que estavam diante do impossível e fizeram disso uma oportunidade para exaltar o nosso Deus.

a) Nabucodonosor, rei da Babilônia, teve um sonho e chamou todos os sábios e magos para que não só interpretassem o seu sonho, mas que revelassem o que ele havia sonhado. Diante desse pedido do rei eles (magos, sábios) responderam “…não há mortal sobre a terra que possa revelar o que o Rei exige” (Daniel 2. 10).

b) Vemos também no livro de João quando Lázaro já estava morto há quatro dias e Jesus foi ao lugar onde ele estava sepultado e disse: “Tirai a Pedra”, no mesmo instante Marta responde: “Senhor já cheira mal”, ou seja, não tem mais jeito, é impossível e Jesus responde a ela: “Eu não te disse que se creres verás a Glória de Deus”, e nós sabemos que Lázaro foi ressuscitado naquele instante (João 11. 38-44).

Temos tantos outros exemplos na Palavra, mas podemos a partir desses citados perceber qual o critério bíblico para recebermos um milagre, na verdade o nosso Jesus define esse critério claramente quando responde a Marta “Se creres verás a Glória de Deus” (João 11.40). Ou seja, se crermos, e agirmos em fé o impossível se transformará em possibilidade.

CONCLUSÃO

Diariamente recebemos relatórios de impossibilidades e devemos encarar cada um deles como fortificantes da nossa fé, a cada impossibilidade vencida fortalecemos a nossa fé naquele que é poderoso para fazer muito além do que pedimos, pensamos ou imaginamos (Efésios 3.20).

 

Então, quando o relatório chegar para você e disser é impossível, pergunte: “É impossível para quem? Pode ser para a medicina, para a ciência, para a família porque para o meu Deus tudo é possível”. O impossível tem sim um poder: o de nos fazer confiar no único que pode solucionar as impossibilidades – Deus