Proteja sua família

Texto Base

“Agora temam o Senhor e sirvam-no com integridade e fidelidade. Joguem fora os deuses que os seus antepassados adoraram além do Eufrates e no Egito, e sirvam ao Senhor.

Se, porém, não lhes agrada servir ao Senhor, escolham hoje a quem irão servir, se aos deuses que os seus antepassados serviram além do Eufrates, ou aos deuses dos amorreus, em cuja terra vocês estão vivendo. Mas, eu e a minha família serviremos ao Senhor”.

Josué 24:14,15

 

Introdução

 

Decisões. Momentos chave onde precisamos definir rumos, metas e principalmente, ações. Nossa vida está repleta dessas oportunidades. Existem pessoas que evitam tomá-las, seguindo a reboque das decisões de outras pessoas.

O jovem Oséias, efraimita filho de Num, também conhecido por nós como Josué, foi um dos grandes heróis da bíblia. Um homem que foi servo, foi general, foi líder conquistador e foi principalmente um “crente”. Sua crença permitiu que ele ainda jovem recebesse maravilhado a promessa de Moisés de que a vida de escravidão estava no fim. Sua crença permitiu que ele mudasse sua visão de mundo, deixando de ser escravo para ser um conquistador. Sua crença permitiu que ele fosse o principal assistente de Moisés, presenciando de maneira extraordinária a manifestação de um Deus real e poderoso, que está no controle das nossas vidas. Sua crença permitiu que ele pisasse e conquistasse a terra prometida por Deus, se tornando um dos líderes mais memoráveis da bíblia.

A ocasião do seu chamado foi marcante e cercada de ansiedade, medo e responsabilidade. Ele teria de substituir um dos maiores líderes que o povo de Deus viu em todos os tempos. Algo completamente natural, diante de todas as circunstâncias vividas nos quarenta anos no deserto. Mas o cuidado de Deus em instruí-lo foi algo tão marcante em sua vida, que trouxe a Josué as ferramentas necessárias para que ele conduzisse a si mesmo e ao povo na direção da vitória.

No capítulo 24 de seu livro, vemos o final de sua história. A terra está conquistada. O povo está assentado. Mas ainda há muita manifestação de atitudes completamente contrárias ao que Deus instruíra a Moisés, a Josué e ao próprio povo. Estas atitudes contrárias levariam o povo à ruína. Deus honra a Josué falando através dele ao povo, advertindo para que se mantivessem fiéis, a fim de evitar os grandes prejuízos decorrentes dos pecados que eles estavam cometendo.

Josué nos ensina através de seu testemunho, um caminho claro para que o povo pudesse permanecer protegido. Este mesmo caminho foi usado para que sua própria família fosse protegida e prosperasse, e serve para nós ainda hoje e para nossas famílias

 

DESENVOLVIMENTO

PRECISAMOS PROTEGER NOSSA FAMÍLIA COM A PALAVRA DE DEUS

O livro de Josué começa e termina com Deus falando. E a palavra de Deus para Josué no começo de sua caminhada como líder é clara:

Josué 1

“7 Seja forte e muito corajoso. Tome cuidado e viva de acordo com toda a Lei que o meu servo Moisés lhe deu. Não se desvie dela em nada e você terá sucesso em qualquer lugar para onde for. 8 Fale sempre do que está escrito no Livro da Lei. Estude esse livro dia e noite e se esforce para viver de acordo com tudo o que está escrito nele. Se fizer isso, tudo lhe correrá bem, e você terá sucesso.”

Para que Josué vivesse a plenitude da promessa de Deus de que estaria com ele, que não o abandonaria e de que Josué teria a vitória, ele teria de conhecer, praticar, ensinar e viver a palavra de Deus. A palavra de Deus é o principal alimento de uma pessoa campeã. E pessoas campeãs formam famílias campeãs.

“A lei do SENHOR é perfeita e nos dá novas forças. Os seus conselhos merecem confiança e dão sabedoria às pessoas simples.” Salmos 19:7

Nos momentos de crise, a estrutura que nos mantém de pé é a palavra. Jesus faz uma analogia entre as pessoas que tem suas vidas baseadas nos seus mandamentos e as que não tem: são como pessoas que construíram suas casas em tipos de terrenos diferentes, umas construíram sobre a areia e outras construíram sobre a rocha. As crises, as tempestades da vida vêm sobre as duas casas. Mas a casa que permanece de pé é aquela que está estruturada sobre o fundamento mais firme.

Subestimamos o poder da palavra de Deus em nossas vidas e nas vidas de nossas famílias. Cada vez menos investimos tempo em ler a palavra, estudar a palavra, buscar a palavra. Nossas escolas bíblicas têm dificuldades de encher. As pessoas têm baseado sua fé na interpretação meramente humana de pedaços das escrituras. Os resultados são claros: pessoas fracas na fé que não resistem à primeira crise, “crentes” que estão nas igrejas e não creem mais, o advento dos cristãos nominais que não sabem defender a sua própria fé, princípios familiares devassados pelos costumes e modelos de pensamento do mundo.

Somente Jesus tem as palavras de vida eterna. Ele é a palavra de Deus revelada a nós. Conhecer a palavra, entender a palavra, compartilhar a palavra forçam nossa mente a transformarmos o conhecimento da palavra em vida aplicada, vida vivida ao vivo em vitória. É através da palavra de Deus que vamos poder estruturar o caráter de nossos filhos, é através da palavra de Deus que vamos encontrar respostas para nossas crises matrimoniais e familiares, é através da palavra de Deus que vamos encontrar saída nas mínimas e máximas situações cotidianas que nos afetam.

Se você quer ter uma família de sucesso, proteja-a com a palavra de Deus.

 

PRECISAMOS PROTEGER NOSSA FAMÍLIA COM A ORAÇÃO

Deus se revela a Josué em oração. As instruções claras e específicas que ele precisava para começar sua caminhada, para conduzir corretamente o povo à vitória e para prosperar em tudo o que fizesse, vieram através da oração. O próprio Deus falou com Josué:

Josué 1

1 Depois que Moisés, servo do SENHOR, morreu, Deus disse ao ajudante de Moisés, chamado Josué, filho de Num: 2 — O meu servo Moisés está morto. Agora você e todo o povo de Israel se preparem para atravessar o rio Jordão e entrar na terra que vou dar a vocês. 3 Como disse a Moisés, eu lhes darei toda a terra que pisarem. 4 Os limites dessa terra serão os seguintes: ao sul, o deserto; e, ao norte, os montes Líbanos; a leste, o grande rio Eufrates e toda a terra dos heteus; e, a oeste, o mar Mediterrâneo. 5 Você nunca será derrotado. Eu estarei com você como estive com Moisés. Nunca o abandonarei. 6 Seja forte e corajoso porque você vai comandar este povo quando eles tomarem posse da terra que prometi aos antepassados deles.

Deus disse! Deus fala! Deus se manifesta! Deus vive! E temos a oportunidade de estabelecermos um diálogo com Deus através da oração. A oração é um canal racional que cria um vínculo espiritual, que cria intimidade, que nos faz termos a certeza de que existe alguém que nos ouve e nos responde, que nós não somos um monte de malucos falando com o vento!

Da mesma maneira que Deus dá orientações específicas para Josué, todas elas baseadas nas preocupações, ansiedades e vivências de Josué com o próprio Deus, ele as dá para nós hoje quando nos dispomos a falar com Ele e a ouvi-lo também. Apesar de isso tudo parecer óbvio, fica cada vez mais óbvio no nosso dia a dia o quanto estamos carentes de termos conversas sinceras, abertas e pessoais com Deus. O momento de desesperança que estamos vivendo como pessoas, como famílias e como sociedade evidenciam nossa distância no contato com o Pai.

Existem situações em nossas vidas que só se resolvem com oração. Jesus é o maior exemplo de como necessitamos deste recurso. Ele estava constantemente orando. Em seus momentos mais difíceis, temos a descrição em todos os evangelhos de que Cristo recorria à oração.

Quando estamos distantes da oração, qualquer janela que se apresenta vira porta. Nos deixamos levar pelo acaso ou por “sinais” que não vem de Deus. Colocamos nossas próprias vidas e as vidas daqueles a quem amamos simplesmente por não termos a menor ideia da opinião de Deus a respeito das questões da vida, questões estas que podem trazer perigos inimagináveis para nosso lar.

Precisamos proteger nossas vidas e as vidas daqueles que amamos através da prática da oração. A oração cria um vínculo com Deus a ponto de quando o desânimo e o medo vierem, termos a clareza, o consolo, a resposta e o cuidado manifesto em nós pelo Espírito Santo de Deus. É através da oração que a paz que excede todo o entendimento se manifesta, é através da oração que exercemos sacerdócio, levando nossas necessidades e as necessidades daqueles que amamos ao altar do Pai.

Seja um sacerdote da sua família tendo uma vida constante de oração.

 

PRECISAMOS PROTEGER NOSSA FAMÍLIA COM A PRESENÇA REAL E PERMANENTE DE JESUS

Uma vida cheia da palavra de Deus e rica em oração é uma vida plena que nos permite tomar as decisões corretas. É uma vida que nos permite o acesso a um Deus vivo e real que nos ama e nos protege nos momentos mais complicados.

É incrível que mesmo com todos os sinais e maravilhas que o povo tinha experimentado, eles tinham de ser constantemente lembrados de quem Deus é e do que Ele é capaz de fazer. Josué tinha a tranquilidade de propor o povo uma escolha porque ele já tinha feito a escolha dele. E esta escolha era fundamentada em alguém que conhecia o Deus a quem servia.

Havia no meio do povo a presença de deuses estranhos. Havia ainda um apego à velha vida, aos velhos costumes, aos velhos deuses. Este apego hoje se manifesta em nossas vidas com novos deuses que erigimos para nós, sejam eles pessoas, relacionamentos, coisas materiais, situações de vida, crenças e tradições contrárias aos mandamentos de Deus. Volta e meia, como o povo de Israel fez várias vezes, nos apegamos a esses falsos deuses como sendo a solução de tudo e nos esquecemos do que o verdadeiro Deus fez por nós.

A decisão de Josué foi a de servir a Deus. E não somente ele, mas sua família também. Josué estabelece um altar em sua casa, porque ele estabeleceu um altar em sua própria vida. Servir a Jesus é a maior e mais acertada decisão que alguém pode tomar para proteger a si mesmo e a sua própria casa. Quando servimos a Jesus e vivemos o que Ele nos ensinou, materializamos sua presença onde estamos.

E a materialização da presença de Jesus demonstra que Ele é real, que Ele é verdadeiro, que não vale a pena tomar decisão por servir nada e nem ninguém além Dele. Proteja a sua família sendo um servo de Jesus. Proteja a sua família vivendo conforme ele ensinou. Proteja a sua família sendo uma prova viva de quem Ele é.

 

CONCLUSÃO

Josué precisou decidir o que ia fazer. E a sua decisão mudou não só sua própria vida, mas mudou a vida da sua família, do seu povo e continua mudando vidas até hoje através do seu testemunho fiel.

Em um mundo que tem atacado ferozmente as nossas famílias, precisamos decidir hoje a quem servimos. Esta é uma decisão que pode mudar tudo, pois dependendo de nossa escolha, viveremos vidas que fazem a diferença positiva e transforma na sociedade onde estamos inseridos ou assistiremos de camarote a falência dela.

Precisamos de pessoas hoje que decidam proteger suas famílias. Proteger suas famílias sendo pais, sendo mães, sendo filhos, sendo irmãos. Pessoas que decidem proteger suas famílias pelo conhecimento e prática da palavra de Deus, pessoas que decidem proteger suas famílias através de uma vida profícua de oração, que decidem proteger suas famílias refletindo a realidade de uma vida em Jesus e com Jesus.

Que possamos hoje tomar a decisão de servirmos a Deus e protegermos nossa família.

IGREJA – Levante-se e decida hoje. Não adianta ser um conhecedor da palavra, tem de ser alguém que vive os ensinamentos dessa palavra. Não adianta ser alguém que por falta de uma vida constante de oração, fraqueja diante de qualquer dificuldade. Não adianta ser alguém que até fala de Jesus, mas que não vive e nem demonstra um Jesus real.

DESIGREJADO – Você de repente era alguém que servia a Deus e que se desviou do caminho. Talvez esteja agora colhendo os frutos amargos de uma decisão de se esquecer do que Deus fez na sua vida. Jesus te diz hoje que Ele quer restaurar os altares que caíram na sua vida. Ele quer que você volte a viver uma vida onde Ele é o Senhor, trazendo as coisas para o ponto aonde as maravilhas Dele aconteciam e aonde a sua casa estava protegida. Decida hoje voltar a servir ao Senhor.

NÃO CRENTE – Deus é muito claro hoje com você. E a mesma mensagem que ele deu a Josué vale para você hoje. Ele quer estar contigo. Ele quer que você vença e tenha êxito nas suas batalhas da vida. Jesus te convida a servi-lo, a experimentá-lo de uma maneira real e transformadora.